Agora:

Madrugada 88

Compartilhe

Notícias

28/10/2022

Debate 88: Outubro Rosa

< Voltar
Debate 88: Outubro Rosa

Debate 88 (28/10): Outubro Rosa

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), em 2022 devem surgir 66 mil novos casos. As mortes pela doença devem chegar a quase 18 mil. No Debate 88 de hoje, você vai saber um pouco mais sobre a campanha do Outubro Rosa. Ela chama a atenção para o câncer de mama e de colo de útero, e a importância do diagnóstico precoce.

Somente 5% a 10% de todos os cânceres de mama são hereditários. A maioria dos casos são esporádicos, ou seja, causados por alterações do próprio organismo do paciente. Vale considerar que o maior fator de risco para ter o câncer de mama é ser mulher, portanto, independente do histórico familiar, todas as mulheres precisam realizar o acompanhamento.

Entre 2016 e 2020, o câncer de mama foi a principal causa de morte de mulheres no Brasil. O número representa 16,3% do total de óbitos no período, de acordo com levantamento do INCA. Nesse sentido, é possível entender como campanhas de conscientização sobre a doença, como o Outubro Rosa, são extremamente importantes.

A mídia, a imprensa, os rádios e a igrejas estão falando constantemente sobre o assunto, mas ainda parece ser pouco, diante da falta de conhecimento que ainda existe por aí.

Mesmo com tantos meios aderindo à campanha, poucas mulheres se aprofundam de verdade no assunto. No caso do câncer de mama, por exemplo, o autoexame é fundamental para identificar algo  diferente, logo no início. Além disso, ter uma rotina de exames é imprescindível! No debate de hoje, feito para as mulheres, vamos  conversar  sobre este assunto tão importante.